sexta-feira, 1 de maio de 2015

"Padre, estou morrendo com fome e órfão de Mãe"

Essa semana uma pessoa me contou que esteve com um padre que partilhava o seguinte: foi atender uma pessoa que estava no momento da morte. Eis que entra na casa. Houve quem meio que não gostasse da presença do padre (pelo que entendi), mas seguiu até onde estava o moribundo que, ao ver o sacerdote, exclamou "Padre, eu estou morrendo com fome e órfão de mãe..." E após falar isso, morreu. Não deu tempo de ser atendido. 


Depois contaram ao padre: tratava-se de um protestante. Um daqueles que adentraram no protestantismo, mas na última hora viu-se desamparado por estar com fome do Corpo e do Sangue de Cristo da qual o próprio Jesus disse "Em verdade, em verdade vos digo: se não comerdes a carne do Filho do Homem, e não beberdes o seu sangue, não tereis a vida em vós mesmos. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia. Pois a minha carne é verdadeiramente uma comida e o meu sangue, verdadeiramente uma bebida. Quem come a minha carne e bebe o meu sangue permanece em mim e eu nele[...]" (João 6,53-56); e órfão de Mãe, pois o Senhor nos deu a Santíssima Virgem como verdadeira Mãe "Eis aí tua Mãe" (João 19,27). Em se tratando de um ex-católico (como aparenta), vemos que na hora da morte ele percebeu que deixou tudo pra abraçar o nada; e que os Católicos não precisam abandonar a Igreja, pois a Igreja Católica tem TUDO. Felizes são aqueles que perseveram até o fim; pois são consolados por Deus recebendo a graça de, a exemplo de São José, morrer nos braços de Nossa Senhora e de Jesus. Como diria São Padre Pio, se não pela Comunhão, ao menos pela graça e pelo amor.



Reze agora pelo menos 1 Pai Nosso e 1 Ave Maria por este protestante para que tendo alcançado Misericórdia (até porque mesmo que não deu tempo de confessar, mostrou arrependimento), possa estar tão logo no Céu a rogar por nós e pelos protestantes.



E que este testemunho sirva de lição para você católico que com tantos ataques à fé, balança na base querendo passar pra alguma seita. Você não precisa sair da Igreja Católica, você precisa ser fiel a Ela. Confesse, Comungue, reze o Terço, seja santo. Aleluia!



E você que está órfão de Mãe e com fome, não demores. Ansiosos te esperamos para juntos irmos ao banquete do Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo, nos alimentarmos de Cristo, e nos deleitarmos no Coração de Nossa Senhora. Venha!

Ps: E que sirva de lição para os pseudo ecumenistas que usam do diálogo para criticar quem de alguma maneira condene a doutrina protestante. Não acho que devemos imitar os protestantes zoeiras atacando por atacar, mas devemos mostrar os fundamentos da fé católica e mostrar a verdade: que estão numa canoa furada, conquanto só existe uma Arca de Salvação, uma só barca: Igreja Católica Apostólica Romana. Respeitemos as pessoas protestantes, mas anunciemos que a Igreja Católica é a Igreja de Jesus Eucarístico e da Santíssima Virgem Maria. É obra de caridade. Afinal, não é bom deixarmos um filho morrer sentindo a angústia de estar com fome e sem a Mãe Santíssima. Você quer isso pra você? Não queira para os nossos irmãos separados.


Salve Maria Imaculada, Senhora de todos os povos!
Viva Cristo Rei do Universo!


Nenhum comentário:

Postar um comentário