terça-feira, 30 de novembro de 2010

Eu sou apenas uma mercadoria que foi comprada por Deus

           Como é bonito dizer que sou um Cristão, que sou um Católico Apostólico Romano; é lindo isso, mas se não fosse Deus dificilmente eu não seria. E se não fosse Deus, dificilmente você também não seria.
            Nós tivemos vários donos, fomos escravos de todos os tipos de senhores. Estivemos acorrentados, sem liberdade e, predestinado à morte eterna. Tivemos como dono a luxúria, a gula, a mentira, a ira, a vaidade, a preguiça, a avareza, a inveja, etc.; tivemos como dono o pecado, fomos escravos dele, e nele não encontrávamos felicidade. Talvez até nos sentíssemos felizes, mas era algo passageiro só para nos enganar, pois o que nos esperava era a morte.
            Então o criador da vida, o criador de tudo o que existe, decidiu nos comprar. Mas por quê? Somos apenas uma mercadoria, e das mais baratas, das mais frágeis; não pelo seu criador, pois este foi Deus, mas pela desobediência que temos, pois o renegamos muitas vezes. Ele queria nos comprar, daquilo que nos roubou Dele de graça, tirar cada um de nós do pecado.
            Mas nós tão sujos, tão impuros, tão devastados pelo pecado... O que valemos? O que se pagará por nós? Mas Deus vem mostrar que nos compra por amor, pois o que Ele criou por amor não se pode ser destruído. Então eis o preço: Seu único filho vai ser dado para nós, para ser pregado em uma cruz, e derramar todo Seu sangue; eis o preço de nossas almas. Fomos comprados pelo sangue de Jesus Cristo, O SANGUE DA NOVA E ETERNA ALIANÇA. Amor tão grande, que me sinto envergonhado de ser amado tanto e não recompensar como lhe é merecido.
            Agora nós estamos livres da morte eterna, fomos comprados, amor marcado com Cristo, as Chagas Santas de Jesus, que chagam nossa vida com amor também. MAS O QUE VOCÊ ESTA FAZENDO? Não posso acreditar no que vejo, como podes, tu foi comprado pelo sangue precioso de Jesus, e esta querendo ser escravo do pecado novamente. Por quê? Pra quê? O amor de Deus é o mais puro, só nesse amor encontramos a felicidade perfeita.
            “O Filho saiu de Deus, afim de que tu saísses do mundo; veio para junto de ti, afim de tu ires para junto d’Ele”(Santo Antonio de Pádua) – Cristo veio para sermos livres, não para continuarmos no pecado. Quando eu fui resgatado do mundo, fui chamado a viver uma vida de santidade; assim como você também foi chamado a viver uma vida de santidade. Por isso deixe Jesus reinar na sua vida. Eu sou apenas uma mercadoria barata, mas o preço pagado por mim foi caro. Por isso deixei de ser escravo do mundo, para ser escravo de Cristo. Nunca pensei que ser escravo poderia ser bom, só com Jesus isso é possível!
            Obrigado Jesus, meu Senhor e Rei!

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

"A guerra do Rio de Janeiro"

          
Realmente vivemos tempos difíceis no Brasil. Só o que falamos nos últimos tempos é da guerra no Rio de Janeiro. Em meio a bombas, tiros, carros e ônibus pegando fogo, enfim em meio ao caos; existe uma população que se pergunta o porquê de tudo isso? Que esta a se perguntar até quando o inferno no Rio irá durar...
            O tráfico de drogas no Rio tem que ser combatido sim, mas é algo que vai além do BOPE entrar nas favelas e “meter fogo” - o mal tem que ser cortado pela raiz – tem que ter um programa para desde a escola, desde o berço ser ensinado coisas cristãs as crianças. Pois aparentemente o que é mais ensinado é a pratica do sexo, o uso de drogas, se brincar até a matar é ensinado (não digo q necessariamente nas escolas, e nem os pais, porem não pode-se negar que muitos passam mais tempo na rua do que em casa, e garanto que na Igreja é que muitos não procuram ir).
            Muitos podem vir dizer que é fácil escrever no blog, já na prática é diferente. Sei muito bem disso, porem é aquela velha história do “se cada um fizer a sua parte...” – e nesse caso é a mesma coisa, se cada cidadão do Rio de Janeiro, ou de qualquer lugar que esteja tendo onda de violência, não fizer sua parte, não vai ter “caverão” que de jeito.
            Mas o que cada um poderá fazer? Começar a rezar já seria algo interessante. Rezemos pelo Rio de Janeiro, rezemos pelas vítimas dessa guerra maldita, rezemos pelos policiais, rezemos pelos envolvidos no tráfico, rezemos por toda a população. Nem que sejam algumas ou só uma Ave-Maria, garanto que com fé já serão úteis. Precisamos rezar muito, pois a violência não esta só no Rio, a violência tem se espalhado pelo mundo de uma maneira entristecedora. Hoje é perigoso ate passar ao lado de um carro e ele explodir (o triste é que não é exagero).
            Focando no caso do Rio, talvez se eles não tivessem o Cristo Redentor só como ponto turístico, mas tivessem mesmo o Cristo em suas vidas, em seus corações, acho que a situação seria mais amena. Talvez esqueceram de dar catequese para aquelas crianças, e por isso foram devoradas pelo mundo perverso; entraram pro crime, e hoje estão na guerra do tráfico, matando e quase morrendo. Talvez se tivéssemos esse Cristo além de ponto turístico, as pessoas iriam a Igreja para participar da Santa Missa. Talvez se tivéssemos um pouco menos de importância com o turismo dos gringos, olharíamos para nosso interior, e veríamos que nosso Senhor se entristece pela insignificância com que Ele é tratado, deixando nosso futuro nas mãos de satanás, entregues ao crime.
            Sei que muitos podem dizer (como já vi): “Se Deus existisse não teria tanta desgraça no mundo” – mas por acaso Deus invento o craque? A cocaína? A malícia? A maconha? Todas essas drogas que destroem a vida? Deus inventou a arma? Deus inventou o dinheiro pelo qual muitos se matam? Deus inventou a prostituição? Deus inventou a conta bancaria que na qual você guarda tudo, e deixa seu irmão sem nada? Deus inventou isso que você faz de errado? – Por que culpam Deus de algo que a culpa é nossa mesmo? Pra nos reconciliarmos com Ele, enviastes Seu único Filho; este que morreu em uma cruz; e ainda nos deu a Santa Igreja com todos os Seus Sacramentos, inclusive o de receber Seu Corpo e Sangue – e de sermos perdoados pela Confissão. Mas não, a humanidade teima em dizer que a culpa é de Deus. Eu nunca vi Deus oferecer um cigarro de maconha pra ninguém! Eu nunca vi Deus desviar verba destinada a saúde, educação, segurança, etc. Eu nunca vi Deus fazer a sujeira que a cada dia praticamos, e que contribui pra desgraça da humanidade! Eu só vi Deus fazer o contrário, que nos leva para um novo caminho, porem é mais fácil culpar Deus.
            Mas é claro, a Santa Igreja também tem culpa. Talvez não a Igreja, mas sim nós membros deste corpo. Talvez se nós deixássemos de ficar em “guerrinhas” inúteis em relação a qual grupo é melhor: qual espiritualidade é melhor, a quem ta certo ou ta errado, RCCXTradicionais; se estivéssemos unidos COMO REALMENTE DEVEMOS ESTAR, uniríamos nossas orações e em intercessão pediríamos pelas vítimas. Mas o nosso ego é mais importante, não queremos deixar o braço torcer. A esses só digo o seguinte: NÃO ADIANTA NADA A TRADIÇÃO SEM A AÇÃO DO ESPÍRITO SANTO, E NÃO ADIANTA NADA CLAMAR O ESPÍRITO SANTO SE NÃO TIVER A TRADIÇÃO DA SANTA IGREJA!
            O mundo só ira encontrar a felicidade no dia que encontrar Jesus Cristo. Enquanto teimarem, continuarão a ver navios. A felicidade não esta no baseado, não esta na cocaína, não esta no baile funk, não esta no sexo, não está no mundão; FELICIDADE ESTÁ EM JESUS CRISTO, SO NA SANTA EUCARISTIA PODERÁ COMPREENDER E SER REALMENTE SER FELIZ!
            E você tendo a felicidade em Cristo, será exemplo para o mundo. As outras pessoas que vivem na tristeza, e que vivem a falsa felicidade que é passageira; irão querer saber de onde vem a sua felicidade, e assim irá querer beber da fonte, e através de você poderemos mudar o mundo. Não importa a quantidade de pessoas, se você resgatar uma alma, Deus já irá estar contente com você.
            Não devemos mais nos preocupar em ver o filme Tropa de Elite, devemos nos preocupar mais em ir a Santa Missa. Lá estaremos nos fortalecendo, pois os dias são difíceis. Não deixe uma bomba explodir ao seu lado para se encontrar/reconciliar com Deus; seja ágil, e não perca tempo, ame-o e seja amado enquanto a tempo. Pois logo estaremos diante Dele.
            Devemos confiar no Estado, eis que muitos estão e serão presos. Porem como confiar nesse sistema carcerário em que os presos comandam o “bagúi” de dentro do presídio? Confiar só em Deus!
            Como era bom quando eu ia a escola, e aos quatro anos de idade, cantávamos em sala músicas de Nossa Senhora. Não sei se todos da época pegaram o mesmo exemplo, mas eu peguei, pelo menos uma alma... – Sinto que o que falta é isso, ter exemplo de Nossa Senhora – o protestantismo parece estar tirando ela do nosso meio, e com isso o mundo vira o que vira. MAS NÃO IRÃO CONSEGUIR, SEI QUE MINHA MÃE MARIA SANTISSIMA ESTA A INTERCEDER POR NÓS, E PELO RIO EM ESPECIAL NESSE MOMENTO! Talvez também se desde criança fossem ensinadas musicas da Igreja,e não de incitação ao sexo e ao crime... aah talvez...   
E só para esclarecimento, quando falo de drogas, trafico e afins... não é em relação específica do Rio, vivo a mesma realidade. É uma praga nacional.
Fiquem com Deus e Nossa Senhora, que a Paz do Senhor possa te atingir, e a mão Poderosa de Deus a te defender.

(fotos: globo.com)

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Aprendendo com o pecado

Pobre e pecador, assim que me sinto nessa pobreza. Sou tão fraco, tão inútil, tão limitado; que não sei como é capaz Deus me escolher para algo, como que Ele quer me usar para alguma coisa de Sua obra. Eu sou um verme! Eu sou algo tão inútil que qualquer um pode pisar em mim! Chego a me sentir o lixo da humanidade, sem esperança na vida, sem sentido, e com tudo escuro em relação ao futuro.
Mas o porquê de me sentir assim? Como posso me sentir assim se há pouco tempo me sentia nas nuvens? Tão amado por Deus (não que nestes momentos ruins eu não fosse amado) – mas sentindo um vazio, e além do vazio a sujeira. Eis que não consigo erguer a cabeça, pois só consigo enxergar meus erros.
Então recorro ao que me conforta, ao que me reconcilia Contigo. Vou ao sacerdote, que pelo ministério da reconciliação, em Teu Nome me concede o perdão de meus pecados. Como de costume o fogo do amor me consome, retirando todo mal existente em mim. Mas naquele momento diante do Senhor dos Senhores, do Rei dos Reis, do Filho do Altíssimo, do Nosso Senhor Jesus Cristo; eis que algo me toca profundamente, e cai a fixa: “poxa Jesus, só quando peco e tenho que me confessar é que venho a Capela te visitar...”
Mas era a realidade, já havia alguns dias que eu havia quebrado minha rotina de visitar Jesus Sacramentado. Algo que era da minha rotina diária virou algo “se der”. Por isso PEÇO-TE PERDÃO MEU SENHOR, POIS O TEMPO EU TIVE, SO NÃO TIVE A CORAGEM DE IR AO TEU ENCONTRO; VONTADE EU TIVE, SO NÃO TIVE FORÇA E FÉ PARA IR A TI E LARGAR AS “COISAS”!
E ainda naquele momento com Jesus, me veio uma passagem (não vem ao caso qual) – que tive o discernimento que sempre vão vir as dificuldades, vou ser fraco sempre, caso eu não esteja armado; essa arma que é a oração (juntamente com confissão e comunhão), minhas orações estavam fracas, por isso motivos de tantas agonias. Mas Deus mais uma vez, vem com sua mão suave, e me dar um “tapa” e me diz que sem Ele eu vou cair sempre. E que é do meu pecado que me faz ir ao encontro Dele novamente. Assim é com você também, é do seu pecado que você se reencontra com Deus, e com Ele aprende a não mais pecar.
E assim me sinto de pé novamente, erguido e forte, pois minha força vem do Senhor. Ninguém pisará em mim, eu é que pisarei no mal, pois Cristo já venceu o mundo – por isso nada temas, Cristo esta contigo, e Ele não te abandonará jamais (apesar de que abandonamos Ele muitas vezes)
Por isso Glorifiquemos o nosso Deus, bendito sejas por toda a Eternidade, Amém.

sábado, 20 de novembro de 2010

Vida sexual: viver a castidade!

A paz de Cristo e amor de Maria nossa Mãe!
            No mundo globalizado, no mundo em que a superficialidade toma de conta de tudo, no mundo em que tudo torna-se liberal, no mundo em que tudo depende da “minha vontade”... tudo torna-se banal! Tal exemplo é o sexo, quer algo que virou mais banal? O sexo nada mais é do que fonte de prazer e devassidão. Mesmo que seja tirado as questões religiosas, é normal sexo com 12 anos de idade? Espero que a resposta tenha sido não...
             As pessoas tendem a ter um pensamento muito errôneo quando se discute o sexo tendo por referencia a religiosidade. As pessoas acham que a Igreja vem pregar que não se deve ter relação sexual, e que se deve “ficar na seca” pelo resto da vida; mas o que a Igreja nos ensina é a prática do sexo consciente, o sexo saudável; e não uma sexualidade desordenada como é muito visto nos nossos dias atuais.
            Só que muitas vezes as próprias pessoas da Igreja distorcem esse ensinamento de Deus e da Igreja, e acabam por pecar achando estar certos. Como podemos ver por exemplo a castidade; O sexo é liberado, porem depois do casamento! Mas como é difícil das pessoas entenderem isso, você até vira motivo de chacota se disser que é virgem e quer viver a castidade. Hoje virou mais do que “normal” as pessoas terem uma vida sexual ativa ainda na adolescência ou pré-adolescência, algo assustador, pois em tempos antigos era difícil ate de se falar sobre, quem dera praticar...
            Nós que somos da Igreja devemos ser sempre o exemplo, nós devemos mostrar para o mundo que SIM, PODEMOS VIVER A CASTIDADE! Mas oxalá fosse assim. As pessoas de dentro da Igreja dizem que isso é besteira, que ninguém vai pro inferno por causa disso, que só é confessar e “de boa” (algo q não é legal banalizar o sacramento da confissão), e muito mais. É o relativismo que entra na Igreja, porque as pessoas não querem mais rezar e adorar a Deus, mas sim ouvir “músicas” que pregam o sexo errado, e ainda acha que castidade é coisa de padre. E ainda como não bastasse não viver a castidade, ainda vive um sexo desregrado, com várias pessoas diferentes. Ai eu pergunto: “Como eu vou falar pra uma pessoa não se prostituir se eu de certa forma também me prostituo?”
            Ai chega na mídia tantas piadas, tantos deboches sobre o Santo Padre e dizemos que não sabemos o por que. A Igreja e o Papa é vítima de ataques porque talvez você não segue a doutrina retamente, esquece do que se é ligado na terra é ligado no céu, e vive a vida conforme você quer. Ai vem os ataques quanto a camisinha e métodos anticoncepcionais, QUEM É VOCÊ PRA DIZER QUE ACHA ERRADO A IGREJA PROIBIR? VOCÊ TEM A SABEDORIA QUE TEM O PAPA? VOCÊ TEM O ESTUDO QUE ELE TEM? VOCÊ POR ACASO TEM PROVAS QUE LEVEM A LIBERAÇÃO? OU VOCÊ É SÓ MAIS UM QUE QUER O LIBERAMENTO PRA PODER TER MAIS PRAZER? Se a Igreja proibiu, saiba que é pro bem, e lembre-se do que Cristo disse na criação da Igreja Católica: “E eu te declaro, tu és Pedro, e sobre essa pedra edificarei A MINHA IGREJA; as portas do inferno não prevalecerão contra ela. Eu te darei as chaves do reino dos Céus: tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus”(Mateus16,18-19) O problema vem porque queremos acreditar em homens, acreditamos mais nesses pensamentos do mundo, e deixamos de lado o pensamento de Deus para a nossa vida.
            O sexo é usado apenas para o prazer na maioria das vezes, e esquecemos que a finalidade do sexo não é o prazer, mas sim o amor resultando na geração de uma nova vida. Ai as pessoas nem mesmo se casam, ai não tem amor suficiente para terem um filho, querem o prazer (talvez seja ai que entra o assunto camisinha) porque filho muitas vezes não é visto como benção, e sim como praga de Deus (quando se acredita em Deus [e muitas vezes só acreditam em Deus pra culpá-lo por algo]).
            Ai da gravidez inesperada entra a questão aborto. Porque além de fazer o errado que é o sexo desordenado, o culpado ainda é a criança, e os “pais” são os juízes intolerantes que a condenam a morte. Uma certa pessoa dona de uma “igreja” protestante, disse que é a favor do aborto porque diminui a criminalidade, pois no EUA depois da implantação da lei do aborto a criminalidade diminuiu, e segundo ele foi o aborto q evitou a criminalidade... sem querer comentar muito o que ele disse, mas SENHOR TEM DE MISERICÓRDIA, ELE NÃO SABE O QUE FALA! Gente como pode querer culpar uma pobre criança pela criminalidade? A criminalidade vem porque o inimigo é astuto, e usando de uma e outra coisa vai formando isso. A questão é simples: NÃO QUER TER FILHO? NÃO TRANSE! NÃO QUER TER DOENÇA? NÃO TRANSE! QUER TRANSAR? CASE-SE E TENHA SEXO COM APENAS SEU CONJUGE E ACEITE A VONTADE DE DEUS QUANTO AOS FILHOS!
            Mas como as pessoas tendem a procurar o que criticar, vão falar: “ah mas ai eles vão ter  um monte de filho, como vão criar?” – simples: meu avô e minha avó materna tiveram 14 filhos, nenhum passou fome, e eram de família pobre. Aprendam a aceitar a vontade de Deus, tem pessoas que tem muitos filhos, assim outros sem usar nenhum método pra evitar gravidez têm poucos filhos. Pare pra perceber que tem gente que tem problemas pra engravidar...
            Vi uma frase que dizia: “Namoro seguro é com camisinha” – ERRADO! NAMORO SEGURO É COM DEUS! Enquanto negares isso o mundo tende a ficar mais sujo...
Meu querido irmão pense bem sobre o assunto, não viva uma vida desregrada, viva conforme Deus quer que você viva, e não como o mundo quer que você morra. Aceite Deus por inteiro, não suje o templo do Espírito Santo que é o seu corpo. E se você vive uma vida errada, seja lá por que for, procure a confissão, procure se colocar em oração, confissão e comunhão. Procuremos coisas de Deus, pois se continuarmos nessa de não dar um terço pra alguém rezar, mas sim dar um pacote de camisinhas... onde vamos parar? Se continuarmos achando que as diversas formas de prazeres sexuais não é pecado... onde vamos parar? Espero que você vá parar na sala de confissão, limpando sua alma, e tendo um novo começo em sua vida, morrendo para o mundo e nascendo para Cristo!
            Que a Virgem Maria e São José que souberam bem sobre viver a castidade possa interceder por nós. E que São Miguel venha expulsar todo poder satânico de nossa vida, pois você acreditando ou não, só quem tira lucro com a sexualidade desordenada é satanás.
Fiquem com Deus!

Não importa o teu passado...


Não importa o teu passado
Não se ache condenado
Nem Deus te condena por seus atos
Tu és o instrumento
Lance seus erros ao vento
E deixe chegar a boa nova

Mesmo que cavem a sua cova
Mesmo que te falem não
Eu te falo pelo nome de Jesus...
Levanta e anda, se levante do chão!
Pois Deus quer te usar para o bem
Tu és fonte de conversão
Por ti almas serão resgatadas
Pessoas se sentirão amadas.

Mesmo que se pareça pequeno
Tu és grande na essência
Essência essa que para o mundo é a luz
Nosso fundamento é Jesus
A Santíssima Trindade se faz presente
O próprio Cristo entra na gente

Renuncie os ensinamentos mundanos
Aceite Cristo pela eternidade dos anos.
Sereis pescadores de Deus
Pesque os Seus...

terça-feira, 16 de novembro de 2010

Confiança no Senhor

“Eis o que diz o Senhor: Maldito o homem que confia em outro homem, que da carne faz o seu apoio e cujo coração vive distante do Senhor! Assemelha-se ao cardo da charneca e nem percebe a chegada do bom tempo, habitando o solo calcinado do deserto, terra salobra em que ninguém reside. Bendito o homem que deposita a confiança no Senhor, e cuja esperança é o Senhor. Assemelha-se à árvore plantada perto da água, que estende as raízes para o arroio; se vier i calor ela não temerá, e sua folhagem continuará verdejante; não inquieta a seca de um ano, pois ela continua a produzir frutos. Nada mais ardiloso e irremediavelmente mau que o coração. Quem o poderá compreender? Eu, porem, que sou o Senhor, sondo os corações e escruto os rins, a fim de recompensar a cada um segundo o seu comportamento e os frutos de suas ações. Qual perdiz a chorar ovos que não pôs, tal é aquele que pela fraude se enriqueceu; em meio a vida, precisa deixá-los; demonstra pelo seu fim, ser insensato”.(Jeremias 17,5-11)

A paz meus irmãos e irmãs em Cristo Jesus. Que esse Deus maravilhoso seja a nosso favor, e volte para nós a Sua face nos mostrando Sua infinita Misericórdia. Que nesses dias que são maus, sejamos cheios do Espírito Santo, para podermos ser filhos fiéis Dele, e o louvando e bendizendo, estejamos sempre em união com nosso Deus.
Neste primeiro versículo, Deus já vai direto ao ponto, já toca na ferida de muitos, e alerta novamente para confiarmos n’Ele. “Maldito o homem que confia em outro homem...” Não pense que Deus esta acabando com a caridade, nos dizendo para que paremos de ajudar o próximo, ou que devemos morrer na desgraça sem pedir ajuda a um irmão. Não, não é isso o que Deus esta a nos dizer. O que Deus está a nos dizer, é que confiemos em Sua providencia; mesmo que estejamos na pior dor, no pior sofrimento, CONFIEM EM MIM – é o que vai dizer o Senhor.
Quantas e quantas vezes nós não depositamos nossas confianças em homens? Pensamos apenas no material e no momentâneo, e esquecemos que tudo irá acontecer conforme a providencia Divina. Quando estamos desempregados, por exemplo, pensamos primeiro no político, naquele deputado, naquele cara influente, mas raramente pensamos em Deus. Seja lá qual for o seu problema, deves confiar plenamente em Deus, pois Ele confiou e te amou plenamente para te dar o dom da vida, e ir para uma cruz por você.
Talvez seja difícil quando temos uma fé abalada; ou talvez por falta de fé não consigamos compreender essa entrega total a Deus. Talvez se você estiver com um câncer maligno, uma enfermidade “incurável”, apenas esperando a hora da morte, você já não creia mais em Deus, apenas espera que os médicos possam achar a sua cura. Mas sinto informar, SÓ QUEM PODE TE CURAR É DEUS! A medicina vem de Deus, apesar de alguns médicos serem ateus, a medicina é instruída por Deus para o bem dos homens. Mas quando nem os médicos são capazes, só o nome de Jesus Cristo é que pode te curar, Ele que é o médico dos médicos.
         Pode ser que você vive um momento difícil na sua vida. Por isso te pergunto: Você esta confiando em Deus ou nos homens? Ou até mesmo pior; confiando em seitas satânicas, protestantes, espiritismo, confiando em bruxarias, em tudo quanto é tipo de coisa que não vem do Senhor. Por isso tudo, quero te convidar, a estar com seu coração mais perto do Senhor; limpar seu coração com o sangue de Jesus.
         Nós devemos ser como essa árvore, ficar perto da água e sempre dar frutos. Sejamos esta árvore, com suas raízes fundas em Deus, e perto dessa água que é o Espírito Santo. Não importa o mal que passaremos, a doença, a dor, a ausência de terceiros, a tentação, a “noite escura”, não importa nada que te aconteça porque se confiarmos no Senhor – venceremos tudo, pois BENDITO O HOMEM QUE DEPOSITA SUA CONFIANÇA NO SENHOR!
         Deus nos deseja por inteiro, Ele quer que confiemos plenamente em Sua Misericórdia. Não tentemos enganar a Deus, pensando que podemos usar um disfarce, pois para Deus é tudo nu e descoberto, Ele sonda o coração e escruta os rins. Sejamos tementes a Deus, e sigamos a Suas leis, confiemos todas as nossas coisas a Ele, deixemos Sua vontade reinar em nossa vida, pois quem melhor do que o Pai do Céu para saber o que é melhor para nós?
Paz e Bem

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

No louvor é que Tu liberta

Tenho certeza que tu irá
 em minha vida realizar
uma obra nova...
Tenho certeza
Que é a fé que irá me curar
O fogo do Espírito Santo
A me libertar...

Senhor meu Deus
Quero te louvar
Pois é no louvor que Tu liberta.
Quero te adorar
E o Teu Santo Nome invocar
Para a minha vida.

Jesus santo dos santos
És a minha saída
Jesus rei dos reis
Quero declarar mais uma vez
És o meu Senhor e meu Deus

Uma história de amor

         
          O que dizer do que vivemos? Tão grande quantidade de coisas vividas não é mesmo? Mas o que sinto deve ser dito ao mundo, ou talvez só para o Teu coração. Tão imensa gratidão eu tenho por Teu infinito amor; algo imenso de difícil compreensão por quem se esquiva de senti-lo.
            Talvez só mais uma história de amor... – É, acho que não! Quer dizer, tenho certeza que não! Essa história de amor é das antigas, essa história de amor já foi provada, essa história de amor já foi selada, essa história de amor é plena e forte. Tantos “eu te amo” eu já ouvi, mas o Seu foi o mais verdadeiro que tocou meu coração; um calor tão grande que me aquece no maior gelo que se faça.
            Amor puro, amor que posso confiar. Pois esse eu sei que não se acaba, pois esse amor está presente em todos os meus momentos. Mesmo que eu faça loucuras pra provar meu amor, jamais irá superar a “loucura” que Tu fizestes para provar Seu amor por mim. Amor tão complexo por seu poder, e tão simples pela forma que me conquista. Amor esse que irradia a minha manha, e me segue durante todo dia e toda a noite.
            Talvez eu não compreenda, mas esse amor me perseguiu durante toda a minha vida, ate mesmo quando eu “fugia” dele. Esse amor já me aquecia no ventre de minha mãe. Esse amor já me preparava à séculos antes de eu nascer, pois esse amor já era reservado para mim. Esse amor que nunca ira acabar; que tem a tendência de ficar ainda mais forte em meu ser.
            Fico com muita vergonha, pois não sei amar-Te como mereces. Ainda mais, não sei se amo-Te como eu posso. Pois ainda sou uma criança a engatinhar tentando dar os primeiros passos, segurado em Tua mão, para adentrar Teu coração, e estarmos juntos durante toda a eternidade.
            Amo-Te meu Senhor e meu Deus!

Em meio a "noite escura"...

           Ouvia dizer que quando se entra no serviço de Deus as dificuldades aparecem. Talvez no fundo eu achasse que seria algo meio exagerado, talvez só uma ou outra dificuldade que enfrentaríamos, mas que seria passageiro. Mas vejo a realidade, e as vezes sinto que realmente não é como eu pensava antes.
            Após você querer e dar seu SIM a Deus, vem o inimigo querer se levantar contra você,e te coloca todo tipo de dúvida, te atenta de diversas maneiras, tudo aquilo que você renuncia ele tenta te impor novamente em dobro. E as vezes sem forças, talvez vivendo a chamada “noite escura” me sentia perdido e sem saber o que fazer. As dúvidas aumentavam, me sentia rejeitado em meio as pessoas, e ao mesmo tempo necessidade de amá-las, sentia-me angustiado e necessitado da graça de Deus; mas onde Ele está?
            Me encontrava em um local que pelo protocolo não deveria, mas Ele queria algo para mim. Ele queria me dar o Seu corpo e o Seu sangue, naquela Eucaristia dada em duas espécies, foi como recordar minha Primeira Comunhão, e me entregar ao cordeiro de Deus.
            Mas a tal da “noite escura” não havia saído, ainda estava a me atormentar. Algo que é muito estranho quando você está em completa graça. E o que Ele mais me chamava a fazer, que era levá-lo aos outros, interceder para os outros, Ele me tirou. Aquela chuva me impediu de ter ido ao encontro das ovelhas do grande Pastor, e ter ido ajudá-las; Ele tinha algo diferente para mim, talvez para me preparar para interceder e clamá-lo melhor.
            Até que desesperado por uma Confissão estava, e me ponho a me questionar o que fazer; vou ao Pe da Paróquia São Jose, procuro a Santa Mãe de Deus já que teria confissões hoje, ou iria a Shalom sem ter me confessado...? A decisão de Deus porem é a que prevalece. Planejei ir a casa paroquial, tinha um carro na porta, então fui direto até a parada de ônibus para pegar um circular para ir até a outra Paróquia; chegando lá, talvez por milagre, passa o ônibus tão raro de sair, o ônibus que ia pra Shalom, então fui para aonde estava sendo puxado.
            Na cadeira do ônibus Deus já estava a agir em mim, da minha cabeça não sai a musica que falava: “Quando eu não ouvir a Tua voz, e em meio ao deserto eu então me encontrar a fé me fará ir além prosseguir, e o Teu Santo Espírito virá sobre mim. Quando minha força acabar, e eu descobrir que por mim mesmo não dá, a fé me fará ir além prosseguir, e o Teu Santo Espírito virá sobre mim...” Fé, fé, fé, acho que Deus já me mostrava o problema dessa noite escura, preciso me abrir pro dom da fé.
            Ao chegar no grupo da Shalom, sou acolhido com uma musica que falava algo como “Deus te ama, esta no Seu coração” – não me recordo, só sei que falava do amor que Deus tem para conosco. Talvez se confirme que nada é por acaso, tudo tem um significado para alguém. E louvando a Deus, orando, clamando, cheguei a falar: “Deus eu nem sei se era pra mim estar aqui, não sei o que queres de mim, mas se eu estou aqui é pra alguma coisa, não sei mais nem o que falar, eu só sei que estou aqui até mesmo contra vontade, mas me ama, entrego meu coração para que faças o que quizer” – sei que teve um ceto momento que ao louvarmos orando em línguas, eu disse a Deus: “eu nem vou orar em línguas porque eu não estou digno, eu não mereço, eu não estou bem...” – foi quando lembrei de uma pregação do Frei Josué que eu havia assistido esta semana, ele dizia que a oração em línguas é um louvor, que através dele é que vem os outros dons do Espírito Santo, que cura e liberta.
            Então comecei a orar em línguas, e sentia que realmente eu precisava desse louvor, precisava me colocar diante de Deus, precisava que o Espírito Santo falasse por mim de minhas angústias a Deus. Tanto que depois, muitas coisas ditas naquele grupo foram direcionadas para mim, sempre no sentido de: “você não irá lutar sozinho, estou contigo, não tenhas medo” – e ao ouvir a Carol falar que haviam pessoas que sentiam necessidade de se ajuelhar e chorar, que não tivessem medo e que podiam fazer isso. – Me coloquei de joelhos e rezei clamando o poder de Deus. Sentia-me melhor, algo como se aparecesse luz em meio à “noite escura”.
            Ao fim daquele grupo, peguei minha Bíblia, e fui ver alguma coisa que Deus por acaso quisesse me dizer. E eis que me diz o Senhor: “Foi pela fé que Abraão, obedecendo ao apelo divino, partiu para uma terra que devia receber em herança. E partiu não sabendo para onde ia. Foi pela fé que habitou na terra prometida, como em terra estrangeira, habitando aí em tendas com Isaac e Jacó, co-herdeiros da mesma promessa. Porque tinham a Esperança fixa na cidade assentada sobre os fundamentos [eternos], cujo arquiteto e construtor é Deus.” (Hebreus 11-8,10)- Talvez ai o “problema” da “noite escura”, minha fé precisava ser aumentada, precisava de um reavivamento, algo q foi dito no grupo, uma renovação da fé. E talvez o que ao sair de casa Deus me dizia, para não me afastar, pois o Espírito Santo viria, e seria sua testemunha, (Atos 1-4-11)
            Agora nem preciso de confissão não é mesmo? ERRADO! A confissão é por onde encontramos o perdão de Deus, e que temos a salvação, pois a partir daí podemos receber Nosso Senhor na Eucaristia. E sermos dignos, pois o não comam a carne de Cristo e nem bebam de Seu sangue indguinamente, confessem-se pelo menos uma vez por mês, e unindo a Comunhão, oração, e a nossa fé, tenhamos intimidade com Deus, e sigamos juntos para vida eterna. E nunca devemos esquecer de sempre buscar nossos sacramentos, pois é através deles que obtemos a salvação em Cristo Jesus!
            Não deixemos o inimigo colocar dúvidas em nosso coração, tenhamos fé no nome de Jesus, que é nome de poder. Levantemos as mãos pro céu, e peçamos a luz de Deus em nossas vidas, pois essa luz se manifesta e tira qualquer “noite escura”.
            Por intercessão da Bem Aventurada Virgem Maria, e de todos os santos de Deus, aumenta a nossa fé Senhor, e atinja-nos com Tua Misericórdia. Amém.
Paz e bem

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Plano de Misericórdia Divina

A humanidade é pecadora, se deixa levar pelo erro e nele vive. Se destrói por si só, e na sua loucura volta ao pó. O pecado entrou no mundo desde cedo, por Adão e Eva, e continua no mundo ate os dias atuais. Só que alguém já nos libertou dessa maldição a muito tempo, à mais ou menos dois mil anos pra ser mais exato. Jesus Cristo, enviado por Deus, vem até a Terra como um homem, e derrama Seu preciosíssimo sangue em favor da redenção da humanidade. Grande prova de amor do Pai enviando Seu único Filho para sofrer por nós, pois nós já estávamos incapazes de sairmos do pecado por si só, nós estávamos em um abismo que não daria pra sair se o próprio Deus não viesse nos tirar.
A paixão foi de Jesus pela humanidade foi tão grande, que Ele sabia de tudo que passaria, e mesmo assim se entrega, “Em seguida, Jesus tomou a parte os Doze e disse-lhes: “Eis que subimos a Jeruzalém. Tudo o que foi escrito pelos profetas a respeito do Filho do Homem será cumprido. Ele será entregue aos pagãos. Hão de escarnecer dele, ultrajá-lo, desprezá-lo; baterão nele com varas e o farão morrer; e ao terceiro dia ressurgirá”. (Lucas 18,31-33) Jesus sofreu o que sofreu por esses mesmos que o ultrajou nosso Rei Jesus. Foi por esses, foi por toda a humanidade.
Só que a maior pobreza da humanidade não está em seu pecado, mas sim em não querer a redenção deles. Digo isso porque muitos foram os que duvidaram de Cristo naquela época, e muitos são os que duvidam hoje. Jesus nos deixa os sacramentos para a salvação (entre os principais: Confissão [João 20,23] e Eucaristia [João 6, 22-71] – [Mateus26-26-29]); só que as pessoas não querem receber esses sacramentos, ou não dão importância, acham que é apenas uma mera formalidade da Igreja. É PRECISO A CONFISSÃO PARA RECEBER O PERDÃO SACERDOTAL, E COMER A CARNE E BEBER O SANGUE DE CRISTO (que para isso, precisa estar confessado, entende a ligação entre eles?).
Creio eu que realmente os tempos são os finais, pois cada dia mais me parece clara que é para nosso tempo a seguinte passagem do Apocalipse: “Ao anjo da Igreja de Laodicéia, escreve: Eis o que diz o Amém, a testemunha fiel e verdadeira, o princípio da criação de Deus. Conheço as tuas obras: nãos és nem frio nem quente. Oxalá fosses frio ou quente! Mas como és morno, nem frio nem quente, vou vomitar-te. Pois dizes: sou rico, faço bons negócios, de nada necessito – e não sabes que és infeliz, miserável, pobre, cego e nu. Aconselho-te que compres de mim ouro provado ao fogo, para ficares rico; roupas alvas para te vestires, afim de que não te apareça a vergonha e tua nudez; e um  colírio para ungir os olhos, de modo que possas ver claro. Eu repreendo e castigo aqueles que amo. Reanima, pois, o teu zelo e arrepende-te. Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz e me abrir a porta, entrarei em sua casa e cearemos, eu com ele e ele comigo. Ao vencedor concederei assentar-se comigo em meu trono, assim como eu venci e me assentei com meu Pai no seu trono. Quem tiver ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.”(Apocalipse 3,14-22). Alguma dúvida? Deus esta falando diretamente na nossa cara, mas ignoramos assim como o fizemos na cruz. Somos muito mornos, tanto faz como tanto fez, tudo é brincadeira, não precisamos de nada, e muitas vezes cometemos a heresia de dizer que nem da Igreja precisamos. Acorda, você será vomitado, Deus te ama, mas Ele castiga aqueles a quem ama, pois vivem na iniqüidade. Deus nos manda reanimar nosso zelo, e nos arrependermos, que maravilha, Deus nos mostrando que mesmo sendo miseráveis, Ele tem a Misericórdia. Sejamos atentos para as coisas de Deus.
A humanidade jamais encontrará amor maior do que o de Deus. E Jesus nos diz: “Como o Pai me ama, assim também eu vos amo. Se guardardes os meus mandamentos, sereis constantes no meu amor, como eu também guardei os mandamentos de meu Pai e persisto no seu amor. Disse-vos essas coisas para que a minha alegria esteja em vós, e a vossa alegria seja completa.”(João 15,9-11) Esse amor que é intenso, que nem na cruz nos deixou de amar, em nenhum momento se arrependeu da sua prova de amor. Sua maior dor que não foi na cruz, mas sim o abandono total. E o que deve doer o coração de Jesus, ainda mesmo nos dias de hoje, tanto abandono, tanto desprezo, tanta profanação; e tanta incredulidade. Jesus nos manda guardar os seus mandamentos, mas só guardamos aqueles de bom grado para nós. “Ele que se sacrifique, porque eu não vou me sacrificar” é a imagem que muitas vezes é passada por muitos.
Mas esse Deus é extraordinário, esse Deus que na qual cometemos barbáries contra Ele, prefere a Misericórdia do que a justiça. Louvado seja nosso Deus por toda a eternidade, pois se a justiça fosse aplicada estaríamos completamente perdidos; pois mesmo depois da Cruz e Ressurreição, somos piores que os pagãos de dois mil anos atrás.
O plano de Misericórdia de Deus é além daquela cruz. Ela se estende pelos séculos e séculos, e chega até os dias atuais. As pessoas já se encontrando perdidas pelo pecado, sem forças para “se salvarem” – quando aparece o grande Misericordioso, Jesus Cristo verdadeiro Deus e verdadeiro homem. Usando a grande santa de nossos tempos, Santa Faustina, Jesus nos revela a grandiosidade de sua Misericórdia, e nos lembra a importância de nos voltarmos para ela, pois é na Sua Misericórdia que somos salvos, é sendo verdadeiramente lavados pelo sangue de Jesus que somos redimidos e salvos.
O próprio Jesus diz a Santa Faustina que a Misericórdia venceu a justiça. Pois Jesus é bom, e suas ovelhas estão feridas, e precisa resgatá-las. “Qual é o Deus, que como vós, apaga a iniqüidade e perdoa o pecado do resto do seu povo, que não se ira para sempre porque prefere a misericórdia?”(Miquéias 7-18). Deus prefere a Misericórdia, por isso não importa o que você viveu, não importa os pecados cometidos por você, o que realmente importa é o amor de Deus por você. Creia em Sua Misericórdia pois ela é real, Deus vem nos resgatar por ela, e nos tira das trevas, bastando apenas que nós queiramos e abrirmos o nosso coração para Deus, vivendo uma real conversão, se voltando para Deus e para suas leis e sacramentos.
Santa Faustina foi encarregada por Jesus pela devoção à Misericórdia, pela difusão dela no mundo, através principalmente do terço da Misericórdia (que foi ensinado pelo próprio Jesus à Santa Faustina) e do quadro da Divina Misericórdia (Jesus com 2 raios saindo de seu peito, que é o sangue e água que jorrastes do Seu coração) que Jesus em uma visão a Santa Faustina apareceu assim e lhe mandou pintar um quadro.
O terço da Misericórdia deve ser rezado principalmente e especialmente às 15:00 horas; já que é a hora da Paixão de Cristo. Jesus diz a Santa Faustina: “Ás três da tarde, implora a minha misericórdia, especialmente para os pecadores, e fica então, por um breve tempo, imersa em minha Paixão, particularmente em meu abandono no momento da morte. É uma hora de grande misericórdia para o mundo inteiro. Permite-te-ei penetrar na minha tristeza mortal. Nessa hora, não recusarei nada à alma que orar em nome da minha paixão [...] (Diário, p. 440).”  Essa devoção é maravilhosa, poder contemplar os mistérios da Paixão de Cristo, o sofrimento que torna os nossos um grande nada.
Devemos ter essa devoção, pois Jesus nos diz: “Os maiores pecadores poderiam alcançar uma grande santidade, se ao menos tivessem confiança em minha Misericórdia [...] (Diário pag. 586). Confiemos nessa Misericórdia, pois através dela seremos resgatados, vamos para de beber da lama para beber de uma água limpa e pura. Necessitamos de Sua Misericórdia, por isso Jesus diz a Santa Faustina: “[...] Se não adorarem a minha misericórdia, pereceão para sempre”(idem pag. 345) Está claro que devemos prestar esse culto a Deus, mergulhando em Sua Paixão, e nos entregarmos em Seu infinito amor.
Jesus diz a Santa Faustina:"Recita, sem cessar, este Terço que te ensinei" (Diário pag. 687). E este terço se recita da seguinte maneira:
Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo Amém
Credo
Pai-nosso
Ave Maria
Nas contas do pai-nosso recita-se a seguinte oração: Eterno Pai, eu vos ofereço o corpo e o sangue, a alma e a divindade e teu diletíssimo Filho, nosso Senhor Jesus Cristo, em expiação dos nosso pecados e os do mundo inteiro.
Nas contas da ave Maria, recita-se a seguinte oração: Pela Sua dolorosa Paixão, tem de Misericórdia de nós e do mundo inteiro. (e ao final de cada mistério: ó sangue e água, que jorrastes do coração de Jesus como fonte de Misericórdia para nós, eu confio em Vós)
Conclui-se, repetindo-se três vezes a invocação: Deus santo, Deus forte, Deus imortal, tem piedade de nós e do mundo inteiro.

            Sejamos fiéis a essa devoção ensinada pelo próprio Senhor, pois Ele nos é fiel até o fim; e não esta pedindo nada além daquilo que nós podemos fazer. Rezemos meus irmãos, pois as tribulações tendem ainda mais a aparecer, por isso tão importante é a oração e estarmos unidos a Cristo nos seus sacramentos.
            Pratiquem as obras de Misericórdia, que nos é ensinado no Diário de Santa Faustina: “que são 14: sete corporais e sete espirituais. Corporais: dar de comer aos famintos, dar de beber aos que têm sede, vestir os nus, dar abrigo aos peregrinos, visitar os enfermos, visitar os presos, sepultar os mortos. Espirituais: aconselhar os que têm dúvidas, ensinar os ignorantes, repreender os pecadores, consolar os aflitos, perdoar as ofensas, suportar pacientemente as pessoas importunas, rezar a Deus pelos vivos e pelos mortos.”(cf. Diário, PP.393-394).
            Os tempos são maus, mas nós devemos praticar a bondade, resgatados pela Misericórdia, dando testemunho desse amor de Deus. Sempre dar testemunho pois ele resgata e converte, nunca o anti-testemunho que so serve pra causar desunião.
            E pra finalizar só tenho a dizer o seguinte:
Ó SANGUE E ÁGUA QUE JORRASTES DO CORAÇÃO DE JESUS COMO FONTE DE MISERICÓRDIA PARA NÓS, EU CONFIO EM VÓS.
JESUS EU CONFIO EM VÓS!

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Bons amigos se assim Deus quizer


Nunca se esqueça do seu melhor amigo!

Hoje uma terça-feira à noite, fico a refletir sobre o que escrever no blog. Então como muitas vezes, algo que virou costumeiro, peço ao Senhor uma passagem Bíblica que me pudesse ter essa inspiração. E então, como é de costume, Ele me da a passagem, que na qual me inspirou a falar da amizade.
A passagem que me veio, continha São Paulo a saudar vários e vários irmãos na Epístola aos Romanos (Romanos 16, 1-16). Algo tocante é porque isso demonstra a amizade, e a verdadeira vivencia como irmãos em Cristo.
Talvez fui marcado por essa passagem, por motivos de ao entrar no caminho de Deus, e ter ganhado amigos de presente, verdadeiramente amigos pela fé. Mas talvez mais do que isso, irmãos pela fé, com fé, e gerando frutos da fé. Quem pode viver sozinho no mundo? Ninguém pode isso, Deus viu isso e ao criar Adão, logo cria Eva para que vivessem juntos e povoassem o mundo.
Quantas vezes não precisei de uma palavra de um amigo, de me desabafar com um amigo, de um abraço amigo, etc. A amizade consiste realmente nessa vontade de viver como irmãos, talvez até naquela de que o outro é o mais importante. Por isso vejo muito em amigos a preocupação, de saber se você esta bem, para assim ele estar bem também.
Posso dizer que sou um cara de poucos amigos. Uma pessoa fechada, meio que “na minha”. Muitos me chamam de metido, se brincar ate de anti-social. Talvez por uma timidez que veio a retirar nos últimos tempos. Mas ao estar com meu melhor amigo que é Deus, ganhei de presente d’Ele vários amigos. Mesmo que alguns me irritem, mesmo que me encham (kkk), mesmo que não compreendam, mesmo que o mundo acabasse, somos amigos.
Existem pessoas que confundem o que é uma amizade, e acham que amigo serve só para “passar a mão na cabeça” deles. Mas amigo também é aquele que te aconselha, mesmo que você não goste pois você pode estar errado: “Repreende o teu amigo,porque talvez não tenha compreendido, e diga: ‘Nada fiz’. Ou se o fez, para que não torne-o a fazê-lo.”(Eclesiástico 19,13) Se você ama seu amigo, e vê ele constantemente no erro, repreenda-o, pois na repreensão virá a conversão.
“Um amigo fiel é uma poderosa proteção: quem o achou, descobriu um tesouro.” (Eclesiástico 6,14). Você achou esse tesouro? Eu acho que venho achando alguns tesouros na minha vida, apesar de no passado ter descoberto que algumas jóias eram de vidro. Mas acho que sou tranqüilo quanto a amizades que tenho, pois algumas ate recentes mas que sinto que serão de longa data (tipo aqui na terra e na vida eterna rs), mas sabe porque tenho esse sentimento? Porque no próprio livro do Eclesiástico diz: “Quem teme o Senhor terá também uma excelente amizade, pois seu amigo lhe será semelhante.” (Eclesiástico 6,17) Que maravilha de passagem, pois se eu to com Deus, terei amigos que com Deus esta também, e assim teremos uma amizade em total conjunto de amor a Deus. (Não é mesmo coleguinhas?)
Só tenho a agradecer a todos os meus amigos. Mesmo o que porventura se afastaram, mas compreendo. Mas quero agradecer de coração a cada um que fez, faz, e fará parte da minha vida. Pois ninguém vive sozinho, por isso vivo com vocês. “A amizade é a mais verdadeira realização da pessoa” (Santa Teresa de Ávila) por isso me sinto realizado. E mesmo que não possamos nos ver, se liga no MSN, Orkut, Twitter, mas de um jeito ou de outro estaremos a nos ligarmos, e manter a amizade.

“De amigo não te tornes inimigo de teu próximo, pois o malvado terá por sorte a vergonha e a ignomínia, como todo pecador invejoso e de língua fingida. Não te eleves como um touro nos pensamentos de teu coração, para não suceder que a tua loucura quebre a tua força, devore as tuas folhas, apodreça os teus frutos e te deixe como uma árvore seca no deserto. Pois uma alma perversa é a perda de quem a possui; torná-lo-á motivo de zombaria para seus inimigos, e conduzi-lo-á à sorte dos ímpios. Uma boa palavra multiplica os amigos e apazigua os inimigos; a linguagem elegante do homem virtuoso é uma opulência. Dá-te bem com muitos, mas escolhe para conselheiro um entre mil. Se adquirires um amigo, adquire-o na provação, não confies nele tão depressa. Pois há amigos em certas horas que deixarão de o ser no dia da aflição. Há amigo que se torna inimigo, e há amigo que desvendará ódios, querelas e disputas; há amigo que só o é para a mesa, e que deixará de o ser no dia da desgraça. Se teu amigo for constante, ele te será como um igual, e agirá livremente com os de tua casa. Se se rebaixa em tua presença e se retrai diante de ti, terás aí, na união dos corações, uma excelente amizade. Separa-te daqueles que são teus inimigos, e fica de sobreaviso diante de teus amigos. Um amigo fiel é uma poderosa proteção: quem o achou, descobriu um tesouro. Nada é comparável a um amigo fiel, o ouro e a prata não merecem ser postos em paralelo com a sinceridade de sua fé. Um amigo fiel é um remédio de vida e imortalidade; quem teme ao Senhor, achará esse amigo. Quem teme ao Senhor terá também uma excelente amizade, pois seu amigo lhe será semelhante.”(Eclesiástico 6,1-17)
Essa passagem acho que diz tudo. Por isso fiquem com Deus, e nesse desejo de vivermos em unidade, como irmãos em Cristo, sejamos dóceis uns aos outros, mansidão para com nossos amigos.

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

O Sim dado a Deus

Em um passado distante ou recente; creio eu que em algum momento de sua vida viveu um grande dilema. Dizer um Sim a Deus, ou simplesmente abandoná-lo novamente. Creio eu também, que a maioria das pessoas viveram tribulações, e até mesmo viveram distante dos braços do Pai, e foram atingidos pela Sua Misericórdia.
Mas eis que Deus tem um chamado para todos nós, e devemos seguir esse chamado. Deus não chama alguém para algo que não possa fazer; Deus não chamará ninguém que não possa carregar a cruz, mas o ajudará a carregar; Deus confia em mim, confia em você, confia em todos os Seus filhos e filhas. Tenha a concreta certeza de que Deus sabe o que é melhor pra você! Não adianta você achar que o melhor pra você é ir pro lado esquerdo, pois Deus escolheu o direito pra você, então se sinta puxado.
Só que a decisão de dar um Sim pra Deus é complicado. Eu acredito que existem vários “sins” a serem dados. Você pode dar um “sim”, que é meio que um sim que é dado contra a vontade, fica ali no “banho-maria”, enrolando, brincando de que é Igreja, ta fazendo as coisas da Igreja, porém quer ser do mundo também. Você também pode dar um sim, que seria um sim que você tem a consciência, tenta seguir tudo que é ensinado na fé, porém, fica uma grande duvida sobre o futuro, falta uma confiança maior, tenta ficar “brigando” com Deus pra mudar seu caminho, mas pelo menos sabe ser de Deus. Mas você pode dar um SIM! Que seria um sim bem dado, com toda confiança depositada em Deus, pensando só N’ele, e disposto a tudo sofrer por Deus. Esse SIM é muito difícil de dar, pois sempre existem as críticas, as incompreensões, as enormes dificuldades, etc. mas é um sim que é gostoso de dar.
Você consegue identificar qual Sim que você Deu a Deus? Você deu um “sim”, um sim, ou um SIM!? A vida é dinâmica, e tenho fé se o seu Sim tiver sido um “sim”, você terá um encontro de verdade com Deus, e poderá dizer de todo o seu coração SIM SENHOR, QUE SE FAÇA A TUA VONTADE! A vontade de Deus sempre prevalece, não adianta lutarmos contra, temos que perder para ganhar. Por mais que pareça difícil, por maior que seja a dificuldade imposta pelo mundo a você, saiba que o seu SIM vencerá toda a tribulação, pois Deus estará com você.
Ainda tenho que falar algo importante, não é um sim dado, que você terá que ser padre, freira, etc. Tenha fé, pra ser de Deus não precisa ser assim, se sua vocação for essa, se Deus te chama para uma vida religiosa do tipo, se lance ao mar, força, coragem, Deus está contigo. Só que muito é confundido, pessoas me dizem para ser padre, mas ser padre não consiste em ser de Deus, todos somos de Deus. Ser padre ou freira consiste em vocação, se você não a tem, não tente entrar, pois poderá ser algo muito difícil para todas as partes.
Você pode exercer seu chamado de Deus em outros locais, quantas e quantas pastorais não necessitam? Quantos e quantos grupos jovens não precisam? Quantos e quantos ministérios não estão necessitando dos seus dons para ajudá-los na missão? Falta do que fazer não é, é falta de coragem de dizer um SIM verdadeiro pra Deus.
Muitos santos deram esse SIM, foram felizes enquanto em terra, e são contemplando a face de Deus hoje. E aqui na terra temos vários exemplos de pessoas que deram seu SIM a Deus, como é o caso de vários irmãos nosso que vejo na Shalom, missionários que doam a sua vida a Deus. É o caso também do Padre Moacir Anastácio que vivia para o mundo, e depois de ter um encontro real com Deus, disse o seu SIM! É o caso do Monsenhor Jonas Abib, que soube dar seu SIM, e fez as obras inspiradas por Deus. Também é o caso de tantos anônimos que deram seu SIM, e vivem conforme Deus manda. É algo especial essa confiança total em Deus, pois como ouvia a frase na WebRádio beatitudes: “Com Deus até o fim mesmo sem entender, pois é sem entender que se confia de verdade”.
Confiem nesse Deus maravilhoso, esse Deus que põe acima de Sua justiça a Misericórdia. Diga seu SIM! E veja as maravilhas que serão feitas em sua vida, mesmo que a tempestade aparente ser maior, fixe os olhos em Deus, pois a recompensa maior será na verdadeira vida. Vamos todos juntos dar nossos SINS e corremos de mãos dadas para a vida eterna, e vivermos com nossos irmãos na perpétua glória e paz.
Que todos os santos e santas intercedam por nós nessa decisão de darmos o SIM. Principalmente Nossa Senhora, essa mulher que soube dar seu SIM, e o mais importante sim da história da humanidade, UM SIM QUE MUDOU O MUNDO, UM SIM QUE TROUXE O SALVADOR DO MUNDO!


sábado, 6 de novembro de 2010

O outro é o mais importante!

samaritano1
“Quando deres alguma ceia, não convides os teus amigos, nem teus irmãos, nem os parentes, nem os vizinhos ricos. Porque por sua vez, eles te convidarão e assim te retribuirão. Mas, quando deres uma ceia, convida os pobres, os aleijados, os coxos e os cegos. Serás feliz porque eles não têm com que te retribuir, mas tu receberás na ressurreição dos justos”. (Lucas 14,12-14)

            Este Evangelho pode ser considerado “duro” por muitos; já que vai diretamente com praticas que deveríamos praticar mas que acabamos por esquecer. A caridade tema tão dito, tão abordado, mas tão desprezado. Sinceramente nós Cristãos deveríamos ser mais bondosos, mais humildes, mais caridosos. Deveríamos ser como Jesus, agir como Ele, não somente querer as graças, e  também querer imitá-lo em modo de vida.
            Nós temos a maldita mania de fazer nossas festas, cheio de comidas (pense no churrasco de domingo) e só chamamos nossos parentes, nossos amigos que gostamos, vizinhos, algumas pessoas “importantes” pra puxar saco, etc. porem Jesus Cristo é claro ao dizer que devemos chamar pra esses momentos, aquelas pessoas que não tem nada para comer, aqueles que são excluídos, largados pela sociedade. Poxa quanto egoísmo, seus amigos e parentes comem bem todos os dias, enquanto o fulano na rua não sabe nem se come dois ou três dias na semana algo decente.
            Mas sabe por que isso irmão? Porque nós queremos status, nós queremos fama, nós queremos ser recompensados de alguma maneira. Claro que pelo que nos é pregado pela sociedade (e em alguns fatos é verdade) não to falando pra você encher sua casa de mendigos, mas custa levar algo para eles? Já que dói o coração ao ver pela TV, dói muito a consciência em saber que alguma vez na sua vida você poderia preparar um banquete, só para quem tem necessidades. Fazer algumas “sextas básicas”, distribuir pra famílias carentes... enfim tantas coisas que NÓS poderíamos fazer.
            Tudo quanto vivemos, queremos ser recompensados de alguma forma. Vamos fazer as coisas por amor gente, porque sem o amor nada adianta. O amor é o que nos edifica, nos dar força, tudo quanto fazemos por amor dar certo.  Vamos parar de não querer ajudar um irmão com alguma coisa porque não gosta dele, porque não vai ganhar nada, porque isso, porque aquilo. Sua recompensa será dada pelo Pai eterno no momento certo!
            Seja caridoso de qualquer modo, ate ter uma conversa com alguém é caridade, só estar ali disposto a ouvir um desabafo de alguém é caridade. Aprendi algo que é muito importante, e que devemos seguir este princípio: SE DISPOR PARA O OUTRO. E sabe porque seguir isso? Porque depois de Deus, o outro é o mais importante, EU só posso ser feliz se o OUTRO estiver feliz também.
            Não se sente feliz por ajudar o próximo? Lembre-se do Evangelho: Serás feliz porque eles não têm com que te retribuir, mas tu receberás na ressurreição dos justos.
Paz e bem. Um por todos e todos no coração de Jesus!